Polícia prende membros “perigosos” de grupos que matam em Cabo Delgado

Palma_populacao_reuniao_publica

Populares da aldeia Monjane, em Palma, que já foi alvo de um ataque de homens desconhecidos.

O Comandante-Geral da Polícia da República de Moçambique, Bernardino Rafael, anunciou a detenção de vários membros “perigosos” de grupos que destabilizam o norte do país.

“Apresentámos recentemente, em Nampula, três malfeitores ugandeses” e outros detidos indiciados por recrutar elementos e “matar naqueles distritos” da província de Cabo Delgado, referiu o dirigente, apontando os nomes de cada um e detalhando as operações.

Bernardino Rafael falava na segunda-feira durante uma parada policial, em Nampula, norte de Moçambique, citado hoje pela Agência de Informação de Moçambique (AIM).

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s