As autoridades da província de Sofala, no centro de Moçambique, descobriram vários corpos abandonados no distrito de Cheringoma, anunciou hoje a Procuradoria Provincial.

“A informação chegou incompleta. Não sabemos quantos são nem exatamente quem são”, declarou uma fonte não identificada da PGR citada hoje pela Rádio Moçambique, confirmando, no entanto, a existência dos corpos.

A televisão privada STV noticiou que se tratavam de 13 corpos, abandonados na vila de Inhaminga, distrito de Cheringoma, a poucos metros de um posto policial.

A STV avança ainda que são cidadãos de origem somali e que entraram ilegalmente em Moçambique.

Depois do trabalho da perícia, de acordo com a STV, os corpos foram sepultados no local devido ao seu avançado estado de degradação.

Os corpos foram encontrados no dia 25 de dezembro.

A fonte da Procuradoria Provincial de Sofala citada pela RM disse que já foi instaurado um processo.

Fonte: Lusa

Anúncios