Oldemiro_baloi_mne

Oldemiro Baloi, exonerado dos Negócios Estrangeiros de Moçambique/Foto Ferhat Momade

O Presidente da República de Moçambique, Filipe Nyusi, exonerou esta terça-feira quatro ministros, entre os quais o chefe da diplomacia, Oldemiro Baloi, que ocupava a pasta desde 2008.

Deixam o executivo Oldemiro Baloi, ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, José Pacheco, ministro da Agricultura e Segurança Alimentar, Ernesto Tonela, ministro da Indústria e Comércio, e Letícia Klemens, ministra dos Recursos Minerais e Energia.

As exonerações foram anunciadas através de comunicado da Presidência da República divulgado ao princípio da noite.

O documento não esclarece quais as razões para esta remodelação governamental, nem adianta quem vai ocupar os lugares.

O comunicado refere apenas que as exonerações foram feitas através de despachos presidenciais separados e de acordo com as competências atribuídas pela Constituição ao chefe de Estado.

Fonte: Lusa

Anúncios