A China vai doar a Moçambique cerca de 15 milhões de dólares destinados À construção do aeroporto de Xai-Xai, capital da província de Gaza, no sul do país, localizado a pouco mais de 200 quilómetros da capital moçambicana.

Os documentos foram rubricados, em Maputo, pela vice-ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Nyeleti Mondlane, e o embaixador da China em Moçambique, Su Jian.

Nyeleti Mondlane disse na altura que o aeroporto vai se juntar às outras infra-estruturas do sector aeroportuário já existentes em quase todas províncias do país, cujo papel tem sido preponderante para o sector turístico e desenvolvimento de Moçambique.

“Pela sua proximidade à cidade de Maputo, o futuro aeroporto de Xai-Xai vai, a médio e longo prazos, desempenhar igualmente um papel muito importante como um aeroporto alternativo em situações de emergência, bem como facilitar a assistência das populações quando ocorrem calamidades naturais”, afirmou a vice-ministra.

Ainda segundo Mondlane o aeroporto de Xai-Xai vai colocar a província de Gaza no circuito regional e internacional.

Vai ainda contribuir para o desenvolvimento do sector do turismo a nível da região sul, atracção de outras actividades tendo em conta as potencialidades que a província detém nas áreas de mineração, agricultura e agro-processamento, entre outras.

Por seu turno, o embaixador disse que a China vai continuar a apoiar a construção de infraestruturas em Moçambique para reduzir a diferença no desenvolvimento entre o norte e o sul do país.

Fonte: Macauhub

Anúncios