image

– Getty Images

O Governo britânico quer proibir por completo a utilização dos telemóveis durante a condução. A solução será ponderada e discutida já em 2017 com os fabricantes de automóveis e passa por estudar a hipótese de implementar uma nova tecnologia que impeça o acesso a qualquer tipo de rede móvel a partir do momento em que o carro estiver em andamento.

A ideia principal é criar uma espécie de “modo voo” (já presente nos telemóveis) que seja automático, cortando assim qualquer ligação de rede que o dispositivo possa fazer. Chamadas, mensagens e ligações à Internet serão cortadas automaticamente quando o carro estiver em andamento. Um porta-voz do Departamento dos Transportes referiu, segundo o jornal Expresso, que “os nossos planos para duplicarmos as penalizações para este crime grave devem ser um forte desincentivo. Nós continuaremos a explorar o que poderemos fazer mais para combater este crime.”

Segundo a mesma fonte, uma sondagem realizada no Reino Unido indica que um em cada três condutores fala ao telemóvel enquanto conduz e um em cada cinco considera um comportamento seguro verificar as redes sociais e realizar outras atividades no telemóvel nos momentos em que está no trânsito (horas de ponta, por exemplo).

No Reino Unido este comportamento pode levar a uma multa de 239 euros, penalizações que podem chegar à apreensão da carta (automaticamente quando se trata de alguém com poucos anos de licença) e, em casos que a utilização do telemóvel ao volante resulta na morte de alguém, o condutor pode ser condenado a prisão perpétua.

Fonte: observador.pt

Anúncios