Um ataque de homens armados da Renamo a uma escolta militar de viaturas fez dois feridos em Ncondezi, distrito de Báruè, centro de Moçambique, provocando danos num autocarro de transporte de passageiros, disseram à Lusa testemunhas.

“Eram 15:52 minutos de segunda-feira e chovia leve quando tiros disparados do mato atingiram um autocarro em que eu viajava, ferindo duas pessoas de forma ligeira”, disse à Lusa Osvaldo Paunde, que testemunhou o incidente.

As balas, disse, eram feitas à base de varão de construção civil de seis milímetros e atingiram a viatura das Linhas Terrestres de Moçambique (LTM), danificando a cabeça do motor, e ainda um outro autocarro de transporte de passageiros, quando seguiam na escolta militar no troço Catandica-Vanduzi.

Anúncios