image

No Parque Nacional das Quirimbas (PNQ), as mudanças climáticas podem contribuir para a insegurança alimentar, havendo, por isso, uma necessidade de aumentar a produtividade pesqueira e melhorar os meios alternativos de subsistência para as populações, constata o Estudo sobre Vulnerabilidade das Comunidades das Ilhas Matemo e Quirimba, às Mudanças Climáticas, realizado pelo WWF, em Maio do corrente ano. O estudo em alusão foi divulgado em Agosto último, na Ilha do Ibo, na presença de cerca de 30 participantes, incluindo o Secretário Permanente Distrital, Momade Saíde, o Administrador do Parque Nacional das Quirimbas, Baldeu Chande, membros da comunidade e representantes de Organizações Não Governamentais (ONG’s).

Segundo o estudo, maior parte das comunidades costeiras das regiões abrangidas são dependentes de recursos marinhos e pesqueiros para a sua sobrevivência a todos os níveis (saúde, alimentação, infraestrutura, entre outros), daí que recomenda uma gestão e aproveitamento sustentável dos recursos disponíveis, incluindo a conservação de stocks pesqueiros e a diversificação de meios de rendimento das famílias.

O estudo contemplou três regiões, Palussança, Muanacombo e Cumilamba, nas ilhas de Ibo e Quirimba e envolveu fundamentalmente a comunidade local, factor importante para a colecta de subsídios que permitiram também que se traçasse um perfil histórico dos eventos naturais catastróficos que têm ocorrido nestas regiões.
Importante constatação é também o nível de perceção sobre as mudanças climáticas por parte das comunidades envolvidas, tido pelo estudo como “razoável”. As comunidades associam as mudanças climáticas ao aumento de temperatura, às mudanças nos padrões de precipitação, à ocorrência de ventos fortes e ciclones, entre outros.

O estudo avança algumas recomendações, tais como realização de mapeamento de recursos existentes, avaliação dos impactos das mudanças climáticas, promoção de tecnologias de pescas mais resilientes às mudanças climáticas, desenvolvimento de uma estratégia específica de adaptação e mitigação às mudanças climáticas no Parque das Quirimbas, entre outras, isto com apoio do Governo de Moçambique e parceiros.

 

Anúncios