As empresas de Moçambique podem começar a pagar aos fornecedores chineses através dos respectivos bancos na China com o novo serviço de liquidação em CNH do banco Société Générale Moçambique, informou a instituição em comunicado enviado à Macauhub.

O CNH, ou yuan exterior, é o código internacional para a moeda da China (CNY) que se transacciona fora do país, fundamentalmente em Hong Kong, que tem tendência a valer ligeiramente mais do que a moeda em circulação na China devido ao facto de flutuar em função da procura, ao passo que o valor da variedade interna varia em função da política cambial nacional.

Lançado em Agosto corrente, o novo serviço permite efectuar pagamentos de uma “forma rápida, segura e com baixo custo” e realizar operações em todo o mundo, através do apoio do banco sede, em Paris.

O comunicado informa ainda que a criação deste serviço deriva do crescimento das trocas comerciais entre Moçambique e a China e encontra suporte nas declarações do Presidente da China, Xi Jinping, quando anunciou em Joanesburgo em Dezembro de 2015, no decurso da Cimeira África/China, um apoio ao continente africano no montante de 60 mil milhões de dólares.

A administração do banco Société Générale Moçambique acrescentou ter contratado recentemente um gestor de negócios de nacionalidade chinesa, que se dedicará em exclusivo à gestão de clientes cuja proveniência seja a região da China, bem como ajudá-los no desenvolvimento das suas actividades em Moçambique.

Fonte: Macauhub/CN/MZ

Anúncios