image

Operação policial é realizada no centro comercial Olympia-Einkaufszentrum – 22/07/2016 (DPA/

Uma grande operação policial está em andamento no centro de Munique, na Alemanha, após o registo de “múltiplos tiroteios” em diferentes localidades da cidade, nesta sexta-feira. O primeiro incidente registado aconteceu no shopping center Olympia-Einkaufszentrum. A polícia de Munique confirmou a morte de nove pessoas. Os atiradores estão foragidos.

Os tiros no shopping center começaram num McDonald’s, às 17h52 locais. Em seguida, testemunhas disseram ter visto 3 pessoas diferentes atirando com metralhadoras nas proximidades do centro comercial. Algumas relataram ouvir um atirador gritar “estrangeiros de merda” e “eu sou alemão!” durante o tiroteio, de acordo com o jornal Bild.

Via Twitter, a polícia pediu que os moradores “evitem locais públicos” na cidade, pois a situação ainda não está clara. Todo o serviço de transporte de Munique está paralisado.

Lynn Stein, que trabalha numa loja no shopping, disse à CNN que o atirador estava dentro do centro comercial. “Eu ouvi vários tiros”, disse. “As pessoas começaram a correr e eu também tentei sair”, completou. “Eu vi alguém deitado no chão, possivelmente morto ou gravemente ferido. E havia uma mulher perto do corpo, chorando”. Num vídeo publicado nas redes sociais, é possível ver pessoas correndo para se abrigar fora do centro comercial.

A polícia isolou a área e convidou a população a manter-se afastada. Ela também aconselhou na sua conta no Twitter para evitar locais públicos, bem como tirar fotos e vídeos das operações policiais, uma vez que os atiradores continuam em fuga.

Na segunda-feira em Würzburg, também na Baviera, um jovem requerente de asilo atacou violentamente com um machado os passageiros de um comboio. Cinco pessoas ficaram feridas, incluindo quatro turistas chineses de Hong Kong.

O ataque, reivindicado pelo grupo Estado Islâmico, foi o primeiro reconhecido pela organização extremista na Alemanha, embora o Governo alemão não acredite que o grupo tenha patrocinado o ataque.

Anúncios