A Polícia da República de Moçambique deteve, no fim de semana, um cidadão acusado de roubo de 11 quilos de ouro e 24 mil meticais (338 euros) no interior de um escritório de uma empresa mineira no distrito de Manica.

Trata-se de Saquilo Sagibo, 32 anos de idade, cozinheiro da empresa mineira Lean-Tesal Mining Penhalonga.

O chefe do Departamento de Relações Públicas no Comando Provincial da PRM em Manica, Leonardo Colher, explicou que o cozinheiro arrombou a porta do escritório da empresa onde se encontravam guardados 11 quilos de ouro e 24 mil meticais em numerário.

No interior do escritório, Sagibo partiu a caixa de segurança onde estava guardado o produto e colocou-se em fuga. A PRM foi informada e lançou uma operação de busca que culminou com a sua detenção.

«Era trabalhador da empresa. Arrombou a porta e tirou parte do produto que estava guardado. A polícia iniciou as investigações que culminaram com a detenção do indivíduo», disse Colher.

A PRM afirma que o referido cozinheiro aproveitou-se da confiança que tinha junto dos dirigentes da empresa.

Fonte: abola.mz

Anúncios