image

‘A menina afegã’, fotografia de Steve McCurry e capa de ‘National Geographic’ em 1985. ATLAS

Uma fotografia demasiado perfeita. Assim o diz o The New York Times sobre o trabalho de um dos fotojornalistas mais célebres das últimas décadas, Steve McCurry. Quem não se recorda da fotografia da “Menina afegã” e que foi capa da revista National Geographic em 1985? Uma análise realizada pelo jornal norte-americano revela agora que o autor dessa imagem alterou algumas outras das suas fotografias. Borrar um saco de plástico, fazer desaparecer uma pessoa que dificulta o enquadramento e, inclusive, obscurecer certas zonas da imagem para imprimir mais dramatismo são alguns dos retoques detectados. McCurry justificou essas modificações explicando que “não sou um fotojornalista, sou um contador de histórias. Capturo as minhas imagens com um sentido estético”.

Anúncios